Nosso blog está em construção.

Críticas e sugestões são muito bem vindas, principalmente agora!

Descupe-nos por possiveis transtornos e obrigada pela visita!



Mantenha-se atualizado! Cadastre seu e-mail abaixo:



Mantenha-se atualizado! Inscreva seu e-mail aqui:

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Espetáculo: AS MALVADAS

Sexta-feira, 30 de Setembro às 23:59
e
Domingo, 02 de outubro às 21:00
O Teatro DeMente estréia a peça:

"AS MALVADAS"

Texto de Alessandro Marson
Direção de Jayme Almeida

Sobre: 
O texto, de Alessandro Marson, conta a história de três irmãs, que disputam entre si a possibilidade de mudar e melhorar de vida.
As atrizes Morgana Marcatto, Luciana Campos e Letícia Bueno interpretam as irmãs Sharon, Sheila e Shirley. Mesmo sendo uma família, elas deixam de lado o bom senso e a ética, para se transformar em trapaceiras e “malvadas”.
“O público pode observar até onde vai o limite das pessoas para querer crescer, obter sucesso e até onde as eles podem chegar para atingir os objetivos. Tudo isso de uma forma surpreendente”, diz o diretor do espetáculo, Jayme Almeida.
Classificação livre
Ingressos: R$ 20,00
ou R$ 10,00 ANTECIPADO
na cantina do CNA ou no Gramado

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Espetáculo: TCHÉKHOV EM 3 TEMPOS

Cia Roma Produções Artísticas, de Piracicaba-SP apresenta:

TCHÉKHOV EM 3 TEMPOS

Domingo, dia 25 de setembro, às 20hs
SINOPSE
A Cia. Roma Produções Artísticas apresenta seu novo espetáculo “Tchékhov em 3 tempos”, encenando três peças de um dos maiores escritores de todos os tempos- Anton Tchékhov”.
O CANTO DO CISNE, TRÁGICO À FORÇA e OS MALEFÍCIOS DO TABACO formam este espetáculo que nos convida a observar mais atenta e internamente angústias humanas que nos acompanham em qualquer época e lugar. Personagens vítimas de sua própria condição, muitas vezes incapazes de se livrarem do pesado fardo que arrastam ao longo de suas vidas, nos provocam sentimentos diversos, do ridículo ao trágico, da melancolia à fúria, todos se debatendo numa prisão psicológica que demonstram não terem condições de escapar.
Totalmente atraídos pela  profundidade dos textos deste grande gênio do realismo, optamos por mergulhar no universo Tchékhoviano, num processo de pesquisa absolutamente estimulante e numa montagem cuidadosa, desatrelada das constantes urgências de realizações do mundo moderno.
É este espetáculo que temos o orgulho de trazer ao público, conduzido a quatro mãos, pelos olhares atentos e sensíveis de dois grandes diretores, que juntos protagonizam um grande e fértil período do teatro piracicabano, desde os anos 70 até os dias atuais.


O CANTO DO CISNE
Embora seja uma das peças menos encenadas de Anton Pavlovitch Tchékhov tem, quando representada, despertado um verdadeiro interesse pelas emoções humanas que são um universo no interior do qual gravitamos em todos os momentos das nossas vidas.
As nossas emoções, e as dos outros, estiveram e estão presentes em todos os instantes das nossas existências, mais ou menos parecidas com as do velho ator...
Trata-se de um estudo dramático que insere-se no conjunto das chamadas peças em um ato que Tchékhov escreveu, mas reflete bem o drama humano, aqui projetado na figura de um personagem, Vassilievitch, um velho ator que vai desafiando num texto vibrante a intensidade das suas recordações, o turbilhão das suas angústias, e a saudade do seu passado de glória.

O TRÁGICO À FORÇA
Uma das várias peças curtas que Tchékhov escreveu,. gira em torno da vida de um veranista que, sobrecarregado de funções, chega a casa de um amigo para uma conversa que se transforma num grande desabafo sobre sua deplorável condição de vítima diante das inúmeras tarefas que lhe são impostas dia após dia. Enquanto seu amigo tenta prosseguir uma leitura no aconchego de seu lar, o veranista Ivan Ivanitch procura de todas as formas chamar a atenção de modo que o amigo ao menos tenha pena de sua amarga condição. 

OS MALEFÍCIOS DO TABACO
Um dos textos mais conhecidos das chamadas peças curtas de Anton Tchékhov, “Os Malefícios do Tabaco” nos mostra um palestrante que vem proferir uma conferência sobre os males do fumo, mas que acaba, em tom de desabafo, revelando sua terrível condição, absolutamente controlado por uma esposa dominadora. Apesar do título, este monólogo não trata de temas relacionados ao tabagismo. O protagonista de nome Niúkhin foi intimado pela sua esposa a fazer uma conferência sobre os males do tabaco. Entretanto, o pretenso conferencista aproveita a situação para discorrer sobre a sua vida pessoal, falando do seu casamento, trabalho, filhos.
Monólogo curto e bastante atual, utilizando humor leve e acessível, mais uma vez Tchékhov nos mostra uma personagem vítima de sua própria condição, sem forças para se livrar de tudo que o oprime e que busca, no público, uma forma de ao menos, aliviar a alma.


Local: Teatro Cootepi, em Pinda, às 20h.
Ingressos: R$ 20,00 (inteira) 
R$ 10,00 (meia, estudantes, antecipado,
bônus, professores e pessoas acima de 65 anos)
 
Duração da peça- 90 minutos
Faixa etária- 14 anos
Gênero: Drama, Farsa, Tragicomédia

Espetáculo: PINÓQUIO

Cia Roma Produções Artísticas, de Piracicaba-SP apresenta:

PINÓQUIO




Domingo, dia 25 de setembro, às 16hs


Release
A Cia. Roma Produções Artísticas  apresenta seu mais novo espetáculo. Trata-se de PINÓQUIO, baseado no conto mundialmente conhecido do italiano Carlo Collodi. Esta história inicialmente foi escrita em capítulos para o  "Giornale per i bambini" (Jornal para as crianças) - primeiro periódico italiano voltado para o público infantil. Foi ali que, em curtos capítulos, Collodi publicou originalmente a "Storia di un burattino" (História de um Boneco) - primeiro título das Aventuras de Pinóquio.
As aventuras de um boneco que deseja se tornar uma criança de verdade são mostradas como a própria metáfora do desenvolvimento infantil. O conflito entre prazer e responsabilidade é vivido plenamente por este boneco que não se contenta em ouvir os conselhos sobre os perigos e as consequências de  suas escolhas e acaba buscando sempre, ele próprio, vivenciar todas experiências e oportunidades que lhe surgem..
Seu pai, o carpinteiro Gepeto, vive acompanhado apenas pelos seus bonecos, criações que ele inventa e as imagina com vida. Ao fazer Pinóquio, ele só deseja mais um boneco, talvez mais perfeito, mas ainda assim, nada além de uma marionete sob seu total controle e para seu mero divertimento e companhia. Ao se dar conta de que é pai de verdade, depara-se com a responsabilidade e o cuidado que esta condição lhe exige.
Nossa adaptação volta seu olhar para esta discussão sobre educação, formação e cuidado que um ser vivo necessita, sobretudo em nosso tempo, em pleno século XXI, com um mundo em constante transformação,  com novos paradigmas, nos desafiando em  todo instante a revermos nossos conceitos e ao mesmo tempo, preservarmos a essência dos valores fundamentais para a relação humana no convívio com as novas problemáticas, que muitas vezes trazem embutidas antigas inquietações na relação de pais e filhos.
O conto PINÓQUIO nos dá a oportunidade de, através de suas aventuras e desventuras, olharmos mais fundo sobre a criança, sua formação e o meio em que se insere e, por outro lado, refletirmos sobre nossa presença efetiva e afetiva como pais, educadores e responsáveis.
Ambientado na Itália, na segunda metade do SEC XIX, o espetáculo traz uma trilha sonora vibrante e divertida, sobretudo com temas de grandes compositores italianos, além da cenografia e adereços, com muitos detalhes e cores características da região.
Com interpretação experiente de Luciana Felipe no papel de Pinóquio, e de Washington Poppi e Romualdo Sarcedo nos demais personagens, o espetáculo promete encantar, divertir e provocar uma reflexão muito importante para a família do século XXI.
NÃO PERCA!

Um espetáculo para toda a família!


Local: Teatro Cootepi, em Pinda, às 16h.
Ingressos: R$ 20,00 (inteira) 
R$ 10,00 (meia, estudantes, antecipado,
bônus, professores e pessoas acima de 65 anos)
Duração da peça- 55 minuto
Faixa etária- livre
Tema- Musical infantil (Livremente adaptado do conto de CARLO COLLODI)

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

FESTIVAL DE ESQUETES - INSCRIÇÕES ABERTAS!

Estão abertas as inscrições para o

Festival de Esquetes de Pindamonhangaba

Que acontecerá nos dias 22, 23 e 24 de setembro de 2011 no Teatro COOTEPI

Confira regulamento e ficha de inscrição em:

Vem aí 16º FESTIL!


De 09 a 18 de novembro de 2011,
acontece em Pindamonhangaba o
   16º  FESTIL
   Festival de Teatro  Estudantil

O FESTIL - Festival de Teatro Estudantil é realizado em Pindamonhangaba com o objetivo de  estimular a atividade cênica nas escolas, revelar novos talentos e promover intercâmbio cultural entre os estudantes.
Em 2011, em sua 16ª edição, o Festival acontecerá durante os dia 9 e 18 de novembro na COOTEPI.

Para conferir o regulamento e copiar a ficha de inscrição acesse o link abaixo:

http://blogdacootepi.blogspot.com/p/regulamento-festil.html

CONTAMOS COM A PRESENÇA DOS GRUPOS E DO PÚBLICO PARA PRESTIGIAR CONOSCO ESSE MARAVILHOSO ACONTECIMENTO TEATRAL!